Governo do Estado realiza encontro formativo de políticas públicas de juventude

25/03/2022

O Governo do Estado, através da Secretaria Extraordinária de Estado da Juventude (Seejuv) realizou, nos dias 23 e 24 de março, o Encontro Formativo de Gestão em Políticas Públicas de Juventude. No evento, a secretária da Juventude, Tatiana Pereira, também apresentou o Plano de Trabalho da pasta para o ano de 2022.

O encontro reuniu gestores e representantes de vários municípios do Maranhão, promovendo um espaço de reflexão e discussão sobre os rumos da gestão pública na área da juventude nos municípios do Maranhão. 

No auditório do Convento das Mercês, esses gestores receberam qualificação com prática em planejamento de políticas públicas, bem como puderam trocar ideias sobre as melhores formas de desenvolver projetos e ações sociais que possam beneficiar os jovens de seus respectivos municípios.

Entre os presentes, estiveram a secretária de Estado da Juventude, Tatiana Pereira; a secretária Adjunta de Governo e coordenadora da Escola Ambiental do Estado, Cricielle Muniz, e o secretário do Trabalho e da Economia Solidária, Genilson Alves; defensor do Núcleo de Defesa da Criança e do Adolescente, Davi Veras; representante da Fundação de Amparo à Pesquisa e ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico Kiany Sirley.

Representando um marco da luta da gestão estadual pela garantia dos direitos dos jovens maranhenses, foi assinada a chamada pública para o cadastramento de empresas no programa Trabalho Jovem, disponibilizando mais de 500 vagas em todo o Estado do Maranhão. O termo foi assinado pela secretária Tatiana Pereira e o secretário do Trabalho e da Economia Solidária, Genilson Alves. 

Assinatura da chamada pública para cadastramento de empresa no Programa Trabalho Jovem.

“O Trabalho Jovem é fundamental, pois os jovens de hoje compõem uma massa muito grande de desempregados e desestimulados ao estudo e ao trabalho. Infelizmente, bolsas de estudo estão se fechando e serviços como o PROUNI e o FIES estão mais complicados”, avalia Genilson Alves. “É fundamental que o poder público possa dar a sua contribuição.

Impacto na política nacional dos jovens

Também marcou presença o presidente do Conselho Nacional de Juventude (CONJUVE), Marcus Barão. No evento, ele exaltou o trabalho da Seejuv em promover a efetivação de direitos estabelecidos e conquistados por meio do Estatuto da Juventude. 

“Nós vemos o trabalho da Seejuv, como o encontro de hoje, reunindo esses gestores, como inspiração”, disse o presidente do CONJUVE. Marcus Barão ressalta ainda a relevância da Secretaria de Estado da Juventude na luta dos direitos dos jovens no momento político atual. "A atuação da secretaria é importante, também, na resistência ao desmonte das políticas da juventude no Brasil.”, concluiu.

Esse ponto é enfatizado pela secretária adjunta de Governo, Cricielle Muniz. “A juventude é, hoje, a que mais sofre com o desmonte de políticas públicas por parte do atual Governo Federal. Infelizmente, é um momento delicado e atípico no nosso país. Esse encontro é importante para que os nossos jovens possam ter resultados concretos e reais”, conclui a Secretária.

Qualificação em planejamento de políticas públicas

Chefe de Planejamento da Seejuv, Maria do Socorro Costa ministrou o painel de Ferramentas Administrativas vitais para a realização de planos e ações em benefício dos jovens das cidades representadas no Encontro. Aos participantes do encontro, Socorro enfatizou a importância do levantamento de dados na criação de projetos sociais.

“Para os gestores, conhecer seu território é um dever de casa, e todos precisam se tornar visíveis. É preciso aumentar o impacto das políticas públicas [para os jovens] nesses territórios”, ressalta Socorro. “Tem que haver impacto sobre a juventude. A política pública tem que ser efetiva”, conclui a chefe de Planejamento da Seejuv.

Parceria nacional pela juventude

Ainda no tópico da qualificação dos gestores, o encontro teve a participação virtual de Fabiana Cecy, líder de projetos do Co.Liga. A plataforma oferta cursos de Economia Criativa, de abrangência nacional e acesso on-line. O projeto, atuante pela qualificação de jovens, é ligada à Fundação Roberto Marinho.

“Quando o público é jovem, precisa estar conectados à profissionalização e ter oportunidades de trabalho; e jovens sem oportunidades podem se inscrever e se profissionalizar. O nosso foco é esse”, explicou Fabiana. “Todos os coligados possuem um perfil [no site] que é visto por empresas, profissionais de mercado e outros jovens.” 

Motivo de comemoração entre os presentes, Fabiana Cecy apresentou ainda o município de Pinheiro como campeão no ranking de índice de conclusão de cursos no Co.Liga. Outro município recordista é São José de Ribamar, com 323 jovens acolhidos pelo projeto. 

Tomando a iniciativa

Ainda no Encontro, os gestores participantes tiveram a oportunidade de pôr em prática as ferramentas administrativas apresentadas. Gestora da Juventude de Alto Alegre do Maranhão, Diulia Evanny destaca os benefícios do planejamento organizado e eficaz de políticas para os jovens. “Projetos voltados para a juventude podem acabar ficando em segundo plano. Por isso, uma boa apresentação [de plano de ação] é importante”, comentou a gestora.

Também participante da Formação, Wanderson Aníbal, gestor de Juventude de Governador Nunes Freire, destaca a relevância do evento como espaço de discussão e reflexão entre os gestores presentes. 

“Já participei de outros seminários, fóruns e capacitações, mas a dinâmica e contato direto com outras ideias é fundamental. A equipe da SEEJUV está de parabéns”, elogia o gestor, fazendo referência às atividades práticas promovidas no Encontro.

A proteção do jovem como exercício de Direitos Humanos

Representando a Secretaria de Estado de Direitos Humanos e o respectivo secretário, Francisco Gonçalves, Amanda Costa compôs o painel de abertura do Encontro. Ela destaca a inclusão do jovem maranhense no mercado de trabalho, um foco do Encontro para a Formação de Gestores, como um exercício de direitos humanos básicos. 

“A juventude ocupa posição negativa em vários indicadores sociais, incluindo desemprego e falta de qualificação profissional. As políticas públicas são essenciais para reverter esses dados negativos”, diz Amanda.

“Fazemos esse encontro para estimular essa agenda [de criação de políticas públicas para os jovens] a nível estadual. Há a especificidade de cada município, mas ter um norte na criação desses planos é importante”, enfatiza a secretária Tatiana Pereira. 

Futuro da Seejuv e de seu grupo alvo

O Encontro para a Formação de Gestores foi a oportunidade, também, da apresentação do Plano de Trabalho da Seejuv para o ano de 2022. A gestora Tatiana Pereira divulgou os projetos vindouros em prol dos jovens maranhenses para esse ano.

Entre as ações divulgadas estão o Cartão Transporte Universitário - que já beneficiou 5 mil estudantes maranhenses -, o Edital Geração Ciência e a Rede de Centros de Referência da Juventude. 

Também foi anunciada a nova edição da Semana Estadual da Juventude, organizada pelo supervisor da Seejuv Thiago Penna. A nova unidade será instalada em São Luís, no local do Centro de Cultura Popular Odylo Costa Filho.